Rafaella novembro 8, 2018 Nenhum Comentário

Pesquisa revela que 73% dos clientes pretendem comprar imóvel nos próximos 6 meses

Segundo pesquisa realizada pelo Portal Imovelk no início do mês de outubro, 73% dos clientes pretendem comprar imóvel nos próximos 6 meses. A intenção de compra de imóveis e a velocidade da compra aumentaram. Em 2017 esse número era de 48%, segundo dados do Imovelk.

Sergio Langer, fundador do Imovelk, atribui que a velocidade de compra aumentou principalmente pelo aumento da oferta de crédito imobiliário. “Os bancos privados entraram de vez na disputa do financiamento imobiliário”, analisa Langer.

De acordo com dados divulgados pela Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança), no primeiro semestre de 2018 a liberação de crédito imobiliário com recursos do Sistema Brasileiro de Poupança teve um alta de 23% ante o mesmo período de 2017.

A pesquisa revela também as formas preferidas do cliente receber um contato de um corretor de imóveis. 66% preferem o WhatsApp. A forma de comunicação mudou. Segundo Julio Aguiar, sócio do Imovelk, cada vez mais os clientes estão adotando aplicativos de mensagens para se comunicar. Dados da Sensor Tower, consultoria que analisa o mercado de aplicativos para smartphones, mostram que os aplicativos de mensagens (como WhatsApp e Messenger) sempre aparecem entre os 10 mais baixados nas lojas virtuais.

O período do dia preferido para buscar imóveis na internet é a noite. 52% dos clientes utilizam o horário noturno para procurar imóveis na internet.

A pesquisa completa está disponível gratuitamente para download em: http://bit.ly/imovelk2018

FONTE: Terra

Rafaella novembro 6, 2018 Nenhum Comentário

Veja como comprar um imóvel em Portugal

Documentação correta permite aquisição para moradia ou investimento e pode até garantir visto

Portugal está em alta. Com qualidade de vida, segurança e belas paisagens, o país viu disparar o número de turistas, pedidos de residência e venda de imóveis nos últimos anos. Comprar um imóvel em Portugal pode ser uma excelente opção para quem deseja mudar de país, fazer vistas prolongadas ou mesmo investir.

Não é necessário ter nacionalidade da União Europeia para comprar imóveis em Portugal. Segundo levantamento da Associação dos Profissionais e Empresas de Mediação Imobiliária de Portugal, em 2017, um em cada quatro imóveis em Portugal foi comprado por estrangeiros. Os brasileiros aparecem em terceiro lugar na lista de nacionalidades, atrás de chineses e franceses.

“Há muito brasileiro a comprar casa em Portugal, muitos para fugir de um futuro incerto. Eles vêm do próprio Brasil e também dos Estados Unidos”, diz Raul Neves, 43, corretor de imóveis na região sul do país.

Segundo ele, mesmo com os preços subindo, o mercado continua aquecido e vale o investimento. “Tudo o que temos para venda sai rapidamente. Ainda vale para investir porque os imóveis tendem a continuar valorizando e os alugueis também estão altos”, afirma.

primeiro passo para comprar um imóvel em Portugal é tirar o NIF (Número de Identificação Fiscal), o equivalente português do CPF. O documento é requerido nas Finanças, autoridade do país como a Receita Federal brasileira.

Também será preciso obter a caderneta predial, que descreve a situação do imóvel, a licença de utilização, que comprova o tipo de uso (residencial, comercial, etc) e a ficha técnica de habitação, que descreve as características do imóvel.

As imobiliárias em Portugal, em especial as redes grandes, estão acostumadas com a compra por estrangeiros, cada vez mais frequente, e podem ajudar na documentação. Também há serviços de consultoria, a pagamento. Nas duas opções, quase sempre, é possível entrar em contato com os profissionais ainda a partir do Brasil.

É importante se programar para pagar impostos e taxas, como o IMT (Imposto Municipal sobre a Transmissão Onerosa de Imóveis) e o Imposto do Selo, que variam conforme o valor do imóvel, além da taxa de transferência e dos custos de registro do contrato. Para um imóvel de 500 mil euros, estima-se um custo na faixa de 40 mil euros.

Um apartamento de dois quartos vai de 150 mil a 2 milhões de euros, de acordo com a cidade. Essa variação pode ser encontrada até mesmo dentro de Lisboa, conforme o bairro.

A capital e Porto, maiores cidades do país, também são as mais procuradas por terem estrutura de serviços e oferta de emprego superiores, o que eleva o preço dos imóveis. Mais ao sul, Cascais, já um reduto de brasileiros, Faro e Algarve também são muito buscadas por terem boas praias. Cidades menores e distritos do centro têm propriedades mais em conta.

A compra de um imóvel de 500 mil euros ou mais garante a ARI (Autorização de Residência para Investimento), chamada de Visto Gold — 350 mil euros, se for uma propriedade em área de recuperação.

FONTE: Revista Zap Imóveis

Rafaella outubro 30, 2018 Nenhum Comentário

Novo limite de R$ 1,5 mi para compra de imóvel com FGTS começa nesta terça

O CMN (Conselho Monetário Nacional) antecipou de janeiro de 2019 para esta terça-feira (29) a elevação do limite para financiamento de imóveis que permitem o uso de FGTS de até R$ 950 mil para R$ 1,5 milhão.

A medida havia sido tomada em julho, e entraria em vigor somente em janeiro do ano que vem, mas foi antecipada pelo conselho.

De acordo com o CMN, isso foi feito porque a vigência imediata não trará necessidade de maiores ajustes nos sistemas internos das instituições.

Pela decisão, o teto do imóvel financiado dentro do SFH (Sistema Financeiro de Habitação) vai subir de R$ 950 mil, valor válido hoje para compradores de imóveis em São Paulo, Minas Gerais, Rio e Distrito Federal, para R$ 1,5 milhão em todos os estados.

A decisão reedita uma medida de caráter temporário tomada entre fevereiro e dezembro do ano passado. Agora, o novo valor não terá prazo para acabar.

O limite máximo dos juros das operações enquadradas nas regras do SFH é de 12% ao ano, com atualização pela TR (Taxa Referencial). O sistema regula a maioria dos financiamentos imobiliários no Brasil e usa recursos do FGTS ou da poupança.

Para usar os recursos que acumulou em sua conta do Fundo, o comprador de um imóvel adere automaticamente ao sistema.

Fonte: Folhapress

Rafaella outubro 15, 2018 Nenhum Comentário

6 Dicas para atrair mais clientes para sua imobiliária

Atrair clientes costuma ser uma das maiores preocupações de toda imobiliária. Afinal, são eles que garantem suas vendas e, consequentemente, o seu faturamento.

Quer saber o que fazer para ter uma prospecção mais eficaz e se tornar referência da sua área? Confira nossas dicas!

1. Conhecer seu público para atrair clientes

Para quem você vende ou deseja vender sua carteira de imóveis? Como eles se comportam, quais as suas dúvidas, necessidades e desejos? Como você pode agir para garantir que eles escolham você entre tantos concorrentes?

O primeiro passo para atrair clientes é pesquisar e conhecer a fundo o seu público-alvo. A razão é simples: ao saber quem são fica muito mais fácil definir suas estratégias e práticas para o marketing e atendimento da imobiliária.

Faça pesquisas, analise a concorrência e lembre-se de atualizar periodicamente o perfil da clientela.

2. Ter um ótimo site

Segundo o IBGE, metade dos lares brasileiros tem acesso à internet e a tendência é que esse número aumente. Por isso, ter um site atualizado, cheio de informações relevantes e responsivo é fundamental.

Ofereça imagens, vídeos e descrições de boa qualidade para os imóveis ofertados, tenha um blog que ajude o cliente a escolher a melhor propriedade, tenha canais de atendimento diversificados (telefone, e-mail, redes sociais, WhatsApp), entre outras funcionalidades.

Não se esqueça do design e usabilidade, que devem garantir uma navegação tranquila, representando a seriedade e o comprometimento do seu negócio com os clientes.

Segundo o IBGE, metade dos lares brasileiros tem acesso à internet e a tendência é que esse número aumente. Por isso, ter um site atualizado, cheio de informações relevantes e responsivo é fundamental.

Ofereça imagens, vídeos e descrições de boa qualidade para os imóveis ofertados, tenha um blog que ajude o cliente a escolher a melhor propriedade, tenha canais de atendimento diversificados (telefone, e-mail, redes sociais, WhatsApp), entre outras funcionalidades.

Não se esqueça do design e usabilidade, que devem garantir uma navegação tranquila, representando a seriedade e o comprometimento do seu negócio com os clientes.

3. Estar presente nas redes sociais

As mídias sociais são superpopulares. Ambientes cheios de atualização e voltados para a interatividade, elas conquistam cada vez mais adeptos dos mais diferentes grupos. Por isso, não deixe de incluí-las nas suas estratégias para atrair clientes.

A decisão sobre as melhores redes para sua imobiliária será feita a partir da sua pesquisa junto ao perfil da clientela. Nesse sentido, não se esqueça de explorar as mídias ao máximo!

Se for investir no Facebook, por exemplo, perceba que ele tem espaço para criar uma vitrine de sua carteira, um chat para atendimento, espaço para receber avaliações para clientes e outras tantas ferramentas. Além disso, também tem uma área para anúncios que pode ser aproveitada para atrair clientes e aumentar as vendas.

4. Investir em e-mail marketing

Já reparou como muitas empresas, das mais diversas áreas, investem no e-mail marketing? Isso porque as chances de atrair clientes e melhorar as conversões são imensas.

Muitos checam suas caixas de mensagens diariamente e possuem aplicativos que avisam sobre a chegada de novas mensagens. Crie uma boa listagem de contatos e elabore envios para grupos de acordo com seus interesses.

Personalize a mensagem na medida do possível, fazendo com que as conexões percebam o seu cuidado para oferecer informações valiosas que os ajudem na busca por um imóvel.

Não se esqueça de respeitar a privacidade: nunca inclua endereços por conta própria e nem compre listas de contatos.

5. Ficar atento às novidades

O mundo é dinâmico e tudo muda o tempo todo. Por isso, não adianta ter um plano de marketing estático e imutável. Leia e se informe sobre as novidades, mudanças e tendências.

Há alguns anos, por exemplo, as redes sociais eram consideradas um passatempo e hoje são canais importantes para atrair clientes e conquistar vendas. Os aplicativos para dispositivos móveis também são outra novidade que vêm rendendo ótimo retorno para muitas empresas do setor imobiliário.

6. Planejar tudo

O sucesso requer planejamento. Então, essa última dica não poderia faltar na nossa lista. Crie um plano e acompanhe constantemente a execução. Treine sua equipe e invista para corrigir erros e melhorar os resultados, sempre.

Os obstáculos existirão. Não desista e tenha foco para atingir as suas metas.

Esperamos que você coloque em prática as nossas dicas para atrair clientes na sua imobiliária.

FONTE: Sami Blo

 

Rafaella outubro 10, 2018 Nenhum Comentário

Teresina sediará Simpósio de Arrecadação Tributária e Regularização fundiária

Teresina será palco entre os dias 22 e 23 de outubro do Simpósio de Gestão Municipal: Arrecadação Tributária e Regularização Fundiária, que será realizado pelo Instituto de Estudos e Projetos de Interesse Social (IEPIS) e a França Assessoria e Consultoria. O evento conta com o apoio do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Piauí (CRECI-PI).

Para o presidente do CRECI-PI, Nogueira Neto, o evento representa uma ótima oportunidade para capacitação dos profissionais. “Sempre procuramos apoiar eventos como esses, pois acreditamos ser importante para a atualização e capacitação de nossos consultores imobiliários. O Simpósio contará com a presença de profissionais renomados no qual teremos a oportunidade de trocar experiências e aprender sobre as novas diretrizes do mercado. Convido a todos para participarem desse momento”, disse Nogueira Neto.

Na oportunidade, serão ministradas palestras com renomados profissionais das áreas do direito tributário e imobiliário, arquitetos, engenheiro de agrimensura, entre outros profissionais. Entre os palestrantes confirmados teremos, José de Arimatéia Barbosa, Oficial Registrador de imóveis da comarca de Campo Novo do Parecis (MT); Richard Torsiano, Consultor das Nações Unidas em Governança de Terras e ex-diretor de Ordenamento Fundiário do Incra; Omar Augusto Leite Melo, advogado e consultor Tributário; Petrus Mendonça, advogado especialista em Direito Imobiliário – OAB/PE, dentre outros.

O Simpósio será realizado no auditório do Cine Teatro da Assembleia Legislativa, no dia 22 a partir das 17h e dia 23 a partir das 8h. As inscrições podem ser realizadas através do site www.even3.com.br/simposiodegestaomunicipal. Mais informações através dos contatos (86) 9 9905-7798 ou (86) 9 9978-7292.

 

 

Rafaella outubro 3, 2018 Nenhum Comentário

CRECI-PI discute parcerias com Banco do Brasil

A diretoria do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Piauí (CRECI-PI) esteve reunida nessa terça-feira, dia 02 de outubro, com o novo superintendente do Banco do Brasil no Estado do Piauí, Ivan Cerqueira Suzart, para discutir futuras parcerias visando o aquecimento do mercado imobiliário.

O diálogo com a instituição financeira tem como objetivo beneficiar a categoria, os construtores e principalmente os clientes, que vão adquirir seu imóvel com mais facilidade. O presidente do CRECI-PI, Nogueira Neto, destacou que esse diálogo é de suma importância para o Conselho, porque o Banco do Brasil é uma instituição financeira de muita credibilidade.

“Essa parceria proporcionará bons resultados. A categoria será beneficiada com esses financiamentos imobiliários e também com financiamentos de produtos para o desenvolvimento profissional dos corretores. Mas também os construtores e principalmente a sociedade, que vai poder adquirir o seu imóvel com mais facilidades”, pontuou.

Segundo o superintendente Ivan Cerqueira Suzart, o Banco do Brasil tem interesse em intensificar sua participação no mercado imobiliário. “O banco tem todas as condições, seja através de prazos, como também em taxas de juros. E essa proximidade com o CRECI objetiva ampliar os negócios garantindo mais fluidez e atendimento pleno aos clientes que querem ter acesso as linhas de créditos da instituição financeira”, finalizou.

2

3

 

 

Rafaella setembro 24, 2018 Nenhum Comentário

Caixa começa a cobrar juros menores para financiamento imobiliário

Começam a valer hoje (24) as novas taxas de juros de financiamento imobiliário da Caixa Econômica Federal.

No último dia 14, o banco informou que reduziu em 0,75 ponto percentual as taxas de juros do crédito para compra de imóveis enquadrados no Sistema de Financiamento Imobiliário (SFI).

A redução vale para imóvel de até R$ 1,5 milhão. As taxas mínimas do SFI passam de 9,5% ao ano para 8,75% ao ano. E a taxa máxima cai de 11% para 10,25% ao ano.

A Caixa também informou também que, a partir de novembro, oferecerá um novo serviço de avaliações de imóveis, disponibilizando laudo diretamente para pessoas físicas e jurídica.

Segundo o banco, o Caixa Avalia é uma plataforma que vai permitir a venda de avaliações pelo site com contratação 100% digital.

Reduções de juros no financiamento imobiliário

Em abril, a Caixa reduziu em até 1,25 ponto percentual as taxas de juros do crédito imobiliário para operações com recursos do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE).

O limite de cota de financiamento do imóvel usado subiu de 50% para 70%. A Caixa também retomou o financiamento de operações de interveniente quitante (imóveis com produção financiada por outros bancos) com cota de até 70%.

Em julho, o banco reduziu em média de 1 a 2 pontos percentuais ao ano as taxas do crédito imobiliário para pessoa jurídica.

Em agosto, promoveu uma redução de até 0,5 ponto percentual das taxas de juros do crédito imobiliário para operações com recursos do SBPE.

O limite de cota de financiamento de imóveis usados para pessoa física subiu de 70% para 80%.

A Caixa tem R$ 85 bilhões disponíveis para o crédito habitacional este ano. No primeiro semestre, foram contratados mais de R$ 40 bilhões.

O banco tem cerca de 70% das operações para aquisição da casa própria.

Operado com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), o SFH financia imóveis de até R$ 800 mil em todo o país, exceto para Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Distrito Federal, onde o teto corresponde a R$ 950 mil.

Os imóveis residenciais acima dos limites do SFH são enquadrados no SFI, que financia imóveis com recursos de poupança.

Fonte: Agência Brasil

Rafaella setembro 12, 2018 Nenhum Comentário

Convite – Missa de Sétimo Dia

O CRECI-PI convida a todos para participar da missa de sétimo do corretor de imóveis Pedro Paulo Lima, nesta quinta-feira (13). O Conselho se solidariza junto à família e amigos neste momento de pesar por esta inestimável perda.

Rafaella setembro 10, 2018 Nenhum Comentário

CRECI-PI leva maior comitiva para XXVII CONACI

A edição 2018 do Congresso Nacional de Corretores de Imóveis contou com a participação de profissionais de vários lugares do país durante os três dias de evento. O Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Piauí (CREC-PI) marcou presença com a maior comitiva de corretores de imóveis. O Conselho reconhece a importância de eventos como o CONACI que ampliam a qualificação dos corretores de imóveis, por meio de palestras, network e troca de experiências.

Uma equipe formada pelas corretoras Adália Leal e Paula de Carvalho, além da secretária administrativa do CRECI-PI, Creuza da Costa, articularam a participação da delegação em todo o evento por meio do patrocínio de várias empresas. O trabalho da coordenação, que se iniciou dois meses antes do evento, viabilizou a redução dos custos individuais dos corretores com passagens, hospedagem e inscrição no congresso.

A conselheira Adália Leal não esconde sua satisfação pelo êxito na organização da comitiva.Satisfação com tudo, com a equipe que nós trouxemos, estou extremamente feliz com a participação de todos. Quero agradecer a todos que participaram do XXVII CONACI na delegação do Piauí. Fiquei muito feliz com o empenho de cada um de participar de todas as palestras, com a assiduidade, cumprindo os horários. Nossa delegação foi muito organizada e eu espero que essa seja a primeira de muitas outras que eles poderão participar, porque o conhecimento abre portas e inova a nossa vida”, disse.

Paula de Carvalho, agradeceu ao CRECI-PI por ter se empenhado em montar uma delegação, como também aos patrocinadores. “Foi por meio deles que conseguimos montar essa comitiva. Quero agradecer também a quem se empenhou em participar porque para alguns é o primeiro congresso. Que tenhamos muitos encontros assim e que o Piauí tenha cada vez mais representatividade” destacou a corretora.

Corretores compartilham experiências

Thátila Porto

“O evento foi muito positivo onde nós aprimoramos os nossos conhecimentos para se qualificar, se especializar. Porque como em muitas palestras foi focado, vivemos em um momento de renovação e adaptação, onde a mudança e a transformação são necessários para que nós consigamos obter êxito no nosso trabalho”.

Jadson Silva

Pra mim foi uma grande honra participar do primeiro evento patrocinado por muitas pessoas abençoadas nesse trabalho maravilhoso que foi o CONACI. Agradeço principalmente ao CRECI-PI que me convidou para participar pela primeira vez. Foi muito bom e muito show!”

Erlene Silva

Gostei muito. Eu sou nova na profissão e foi meu primeiro congresso de muitos. Espero ir para todos, já sei que o próximo será no Espírito Santo. Gostei de todas as palestras e a última que foi ministrada pelo Dado Schneider foi maravilhosa. Ele conseguiu passar muito bem a mensagem de uma forma muito diferente. Aprendi muito e espero chegar em Teresina e fazer muita coisa diferente. Eu já estava sentindo coisas que eu deveria mudar. Vou tentar aplicar tudo e minha vida dará uma reviravolta”.

Lúcia de Fátima Gomes

“O evento foi maravilhoso. Muito bem organizado. As palestras atendeu a nossa necessidade para que possamos aplicar no futuro e crescer mais ainda em nossas vendas. A organização foi ótima, atendeu o objetivo, hotel maravilhoso, fomos muito bem atendidos. Não houve falhas. Espero que no próximo eu esteja participando e que nossos patrocinadores continuem nos ajudando, porque o objetivo foi atendimento. Muito obrigada a todos”.

Deolinda da Silva

“Fui convidada para vir ao congresso e gostei muito, porque foi meu primeiro. Espero não ser o último e quero ter oportunidade de ir para outros. Foi muito importante porque estamos todo dia aprendendo e gostei muito das palestras que foram de grande aprendizagem para nossa profissão”. 

Kristiane Raquel

“O congresso foi maravilhoso. Os temas foram bem abordados e a organização também foi perfeita. Até porque pelo fato de já conhecer, eu gosto muito do Dado Schneider, ele envolve muito a plateia. Gostei também da Karla Karenina porque ela soube mesclar o tema principal da palestra com humor”.

Corretores de outros Estados também fizeram parte da delegação

Profissionais de outras cidades também se integraram à comitiva piauiense, como a corretora Maria Eunice de Araújo, de São Luís/MA. Segundo ela, a equipe do Piauí foi maravilhosa. “Eu quero agradecer o apoio, carinho, amizade e parceria que o CONACI foi nota 10. E que nossa amiga Creuza foi fantástica dando todo apoio pra nós e estaremos juntos novamente em 2019 no Espírito Santo”, disse animada.

Ana Maria Correia, de Caxias/MA, também elogiou a organização do CRECI-PI e todo o evento. “O evento foi extraordinário e nota 10. Estão de parabéns pelos painéis, discussões. A organização do CRECI-PI foi maravilhosa, o carinho e o apoio com a vinda dos corretores ao evento.

foto 02

 

Rafaella setembro 6, 2018 Nenhum Comentário

A hora de mudar é agora é tema do CONACI 2018

O primeiro dia do XXVII Congresso Nacional de Corretores de Imóveis (Conaci) iniciou na noite dessa terça-feira, dia 04, e foi marcada pela solenidade de abertura e o coquetel de confraternização com todos os participantes no Centro de Eventos do Ceará. Corretores do Brasil inteiro marcam presença do evento, além de personalidades marcantes do mercado, para debater tendências e rumos para a indústria imobiliária nacional. O Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Piauí (CRECI-PI) marca presença com uma grande comitiva de corretores.

Com o tema “Brasil: a hora de mudar é agora”, o Conaci é o maior evento voltado a corretores de imóveis no Brasil. A ideia, nesta edição, é discutir a necessidade cada vez maior de aprimoramento e mudanças no sentido de se adaptar à velocidade espantosa da tecnologia, num mundo que já vive o que os economistas estão chamando de a 4ª Revolução Industrial ou Indústria 4.0.

Durante a solenidade de abertura, a presidente da edição 2018 do Congresso, Maria Cristina Chaul Barbosa, falou que o Ceará recebe o evento que possui 61 anos de tradição e muitas conquistas em prol da categoria. A Federação Nacional de Corretores de Imóveis (FENACI) e o Sindicato de Corretores de Imóveis do Estado do Ceará não pouparam esforços para que a 27ª edição esteja à altura do seu lema. O evento com certeza vai apontar caminhos para os corretores de imóveis de todos os recantos do Brasil hoje aqui representados possam realinhar propósitos e criações no sentido de acompanhar as espantosas transformações pelas quais passam o mundo em termos de tecnologia, economia e negócios. O mercado imobiliário e outros seguimentos também é impactado por tais transformações”, afirmou.

Em seu discurso, o presidente da FENACI, Joaquim Ribeiro, agradeceu a toda diretoria do Conselho Federal de Corretores de Imóveis, juntamente com todos os presidentes dos Conselhos Regionais pelo apoio. “Nós escolhemos a dedo todos os palestrantes que estarão conosco aqui durante estes três dias de evento e isso é muito importante para que a gente saia daqui enriquecido com informações, rodada de negócios e troca de experiências. Tenho certeza que vamos realizar um excelente evento. E é muito importante esse momento que estamos transitando no país e o corretor de imóveis que tem buscado se superar. A gente precisa a cada dia conquistar e melhorar nosso mercado”, destacou.

02

Estiveram presentes também na noite de abertura, o presidente interino do COFECI, Augusto Viana Neto; o presidente do CRECI-RJ, Manoel Maia, e o representante da Caixa Econômica Federal, Josivan Rocha. O presidente do CRECI-PI, Nogueira Neto, que também marca presença, pontua que o evento é muito oportuno para a categoria possibilitando network com outros profissionais, além de se atualizar quanto as novidades que vêm surgindo. “O evento é muito qualificado e com certeza agregará muitos valores de conhecimento para que possamos usar em nossa profissão. Os corretores que vieram participar estão de parabéns”, disse.

WhatsApp Image 2018-09-05 at 10.16.20

Além da solenidade de abertura, o primeiro dia do XXVII CONACI também foi marcado pela premiação do Troféu Colibri e coquetel de confraternização.

Conheça os apoiadores da comitiva piauiense: Canopus Teresina, Elo Engenharia, MRV Engenharia, RR Construções, Grupo Arrey, Arte Construções, Construtora Boa Vista, Conviver Urbanismo, Torre Urbanismo, Macêdo Fortes Construções, Betacon Mafrense Construções, LDG Incorporadora, Pena Incorporadora, Tropical Construtora, Vanguarda Incorporação.

WhatsApp Image 2018-09-05 at 09.53.14 (2)

WhatsApp Image 2018-09-05 at 10.16.14 (1)

WhatsApp Image 2018-09-05 at 10.16.18 (2)

WhatsApp Image 2018-09-05 at 09.53.09 (1)

WhatsApp Image 2018-09-05 at 09.53.13 (2)