funciona-mercado- CRECI
Rafaella agosto 2, 2019 Nenhum Comentário

Depois de enfrentar tempos difíceis, devido à crise financeira que atingiu o país nos últimos anos, o mercado imobiliário em 2019 começa a dar sinais de recuperação. A redução dos juros no crédito imobiliário e a ampliação nas formas de renegociação são alguns fatores que estão contribuindo para a mudança no mercado.

O presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Piauí (CRECI-PI), Nogueira Neto, destaca a importância dos fatores para o desenvolvimento do setor imobiliário. “O mercado enfrentou anos bastante complicados devido à crise econômica que atingiu nosso país. Porém, desde meados do fim de 2018 a realidade do setor começou a mudar com o crescimento do número de vendas concretizadas. Assim, a redução dos juros e ampliação das renegociações são ferramentas importantes para a realização de bons negócios e recuperação do mercado imobiliário neste ano”, afirmou Nogueira Neto.

A redução nas taxas de juros, além de ser um fator importante para o aumento do lançamento de novos empreendimentos e para vendas de imóveis novos, também pode ser fundamental para aquecer o segmento de imóveis usados, por meio do aumento da cota de financiamento. Tais medidas, servem sobretudo para beneficiar as pessoas que adquiriram imóveis por meio do programa Minha Casa, Minha Vida.

Os próximos cinco anos prometem ser bastantes rentáveis para o mercado, onde por meio da queda da inflação, crescimento do produto Interno Bruto (PIB) e principalmente com a redução das taxas de juros, as construtoras terão maior capacidade para investir em novos empreendimentos.

Segundo pesquisa realizada pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), em 2018 os lançamentos residenciais apresentaram significativas melhorias com um aumento de 30% quando comparado ao ano anterior. Isso também se reflete nas vendas de imóveis que apresentaram um crescimento de aproximadamente 23%.

 “Estamos passando por um momento de recuperação de mercado, onde a redução dos juros e as novas possibilidades de negociação vão ser determinantes para o aumento de lançamentos de novos empreendimentos e incremento nas vendas. Somado a isso, a Caixa Econômica Federal promete lançar em breve condições ainda menores de financiamentos imobiliários o que será fundamental para reforçar nossas expectativas no setor imobiliário”, disse o presidente do Creci-PI, Nogueira Neto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *