Geral
Rafaella julho 26, 2019 Nenhum Comentário

O Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Piauí (CRECI-PI), por meio do presidente da instituição Nogueira Neto, esteve presente na reunião dos Conselhos de Classes do Piauí. O encontro realizado na sede do Conselho de Administração (CRA-PI) teve o objeto de discutir ações contra a PEC108/2019 que visa fragilizar os conselhos e até mesmo levá-los a extinção, uma vez que propõe que a filiação as entidades seja algo opcional.

O presidente Nogueira Neto fala da importância da reunião para discutir o desenvolvimento de ações contra a PEC que visa atingir a legitimidade dos Conselhos. “Estamos alinhando ideias para que possamos se defender e atuar junto aos nossos parlamentares para esclarecer a real importância das entidades de classes e dos profissionais. As categorias representam um importante instrumento para os brasileiros, haja vista que somos guardiões da sociedade. A entidade existe de forma organizada com o intuito de defender principalmente a sociedade a um custo zero, o que deveria ser uma obrigação do governo fazer essa defesa social”, declarou o presidente do CRECI, Nogueira Neto.

Nogueira

Os Conselhos possuem a importante missão de fiscalizar e disciplinar o exercício legal das mais diversas profissões regulamentadas por lei.

 “Os Conselhos sobrevivem das anuidades pagas pelos profissionais, ou seja, as entidades não geram nenhum custo para o Governo Federal. Por isso, não existe nenhuma razão para o governo tentar interferir no sentido de abolir o ordenamento jurídico das entidades. Para se ter ideia durante as reuniões plenárias chegamos a julgar em torno de 9 mil processos, o que significa dizer que estamos coibindo pseudos profissionais que possam lesar a sociedade”, disse Nogueira Neto.

todos

“Reunimos representantes de cerca de 15 conselhos com o intuito de discutir ações que possibilitem a não aprovação da PEC 108/19. Precisamos buscar uma solução a partir da união de forças de todas as categorias de profissionais do nosso Estado”, afirmou o presidente do CRA-PI, Roberthy Barbosa.

Durante o encontro, ficou previsto uma reunião com a bancada federal piauiense para discutir os malefícios da PEC para todos os profissionais e para a população de um modo geral. A reunião está prevista para acontecer no próximo dia 12 de agosto, em Teresina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *